Mais de 1 bilh√£o de pessoas est√£o acima do peso, com 300 milh√Ķes de obesos no mundo. Vale lembrar que a obesidade est√° associada a diversas doen√ßas cr√īnicas, como diabetes, aterosclerose, doen√ßa card√≠aca, doen√ßa hep√°tica e alguns c√Ęnceres.

Os bal√Ķes intrag√°stricos foram utilizados na terapia da perda de peso nos √ļltimos 15 anos em cerca de 100.000 pacientes. Uma perda de peso m√©dia de 15 kg ou mais, durante seis meses foi alcan√ßado de forma segura e com √™xito. Como resultado deste tratamento, muitas doen√ßas associadas √† obesidade tamb√©m acabam por ser revertidas.

Em Crici√ļma e regi√£o um dos especialistas com larga experi√™ncia neste tipo de procedimento e trabalha na busca de m√©todos inovadores para o tratamento da obesidade √© o cirurgi√£o Leandro Avany Nunes. Seja atrav√©s de procedimentos cir√ļrgicos ou n√£o cir√ļrgicos, como o bal√£o, Nunes calcula que este tipo de tratamento permite a r√°pida mudan√ßa da qualidade de vida do paciente obeso, aliada a novas pr√°ticas nutricionais orientadas pela equipe de profissionais de nutricionistas e psic√≥logos que integram a sua equipe.

O cirurgi√£o Leandro Avany Nunes, que realiza este procedimento na regi√£o de Crici√ļma, no Centro Criciumense de Endoscopia Digestiva (CCED), no Hospital S√£o Jo√£o Batista e na Clinigastro, esclarece que o Bal√£o Intrag√°strico √© um instrumento m√©dico utilizado h√° v√°rios anos, com milhares de pacientes em todo o mundo. O bal√£o √© introduzido no est√īmago por meio de uma sonda endosc√≥pica. Uma das vantagens e diferenciais √© que n√£o necessita de cirurgia.
A t√©cnica faz a introdu√ß√£o de uma pr√≥tese de silicone no est√īmago, atrav√©s do procedimento de Endoscopia Digestiva Alta. ‚Äú√Č um procedimento simples como uma endoscopia comum e sem necessidade de cirurgia. √Č, portanto, considerado um tratamento cl√≠nico, e n√£o um tratamento cir√ļrgico‚ÄĚ, refor√ßa o m√©dico. O bal√£o dever√° permanecer no est√īmago no per√≠odo de 6 a 8 meses.

A colocação e a retirada do Balão Intragástrico são feitas com sedação em ambiente ambulatorial ou hospitalar e o tempo de internação é de meio dia. A técnica é considerada eficiente para pacientes com sobrepeso e na preparação de pacientes super-obesos no pré-operatório como eficaz e seguro.

Este procedimento √© indicado para obesos com √≠ndice de massa (IMC) extremamente elevado, que necessitam de cirurgia, mas n√£o t√™m condi√ß√Ķes de realiz√°-la no momento. Submetem-se ao procedimento, perdem peso e ganham condi√ß√Ķes para cirurgia.

Outra indica√ß√£o √© para os pacientes com obesidade mais leve, que precisam perder menos peso e n√£o conseguem faz√™-lo com as medidas habituais. Outra indica√ß√£o ainda, sendo esta discut√≠vel, pois a perda de peso √© menor, seria para pacientes com indica√ß√£o e condi√ß√Ķes para cirurgia de obesidade, mas que n√£o queiram realiz√°-la. De acordo com o cirurgi√£o, em qualquer caso de d√ļvida sobre os procedimentos, o paciente deve conversar com o especialista para a melhor indica√ß√£o do tratamento.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

desenvolvido por Cacto Publicidade
Rua Estevão Emílio de Souza, 108 (em frente ao Hospital Unimed) :: Próspera :: Criciúma/SC :: Tel. (48) 3439.4096